domingo, 24 de fevereiro de 2013

Reformando o banquinho do Vovô

A minha mãe guarda como recordação um banquinho do meu avô, mas o banquinho estava em um estado terrível, por causa disso ele ficava "jogado" no fundo da casa.
Para vocês terem noção ele deve ter mais de 50 anos.
Então, acabava ficando uma recordação esquecida. E pra que servia? Era uma recordação?
Inspirada por alguns blogs que sigo, tais como Casa de Colorir e o Minha Casa, Minha Vida, resolvi colocar a mão na massa e reformá-lo.
Como já disse por aqui, eu sou péssima para trabalhos manuais, mas estava tão inspirada. rs Além disso, ele estava tão ruim que se não desse certo, fazer o que (mentira, morri de medo da minha mãe me matar).

Vamos as fotos:
Como ele era

Materiais utilizados, gastei menos de R$ 10,00 com tudo

Eu comecei lixando - Ufa... essa é a pior parte. Depois a parte de cima estava meio solta, reforçamos com pregos.

Esse foi o resultado final. Que gracinha. 
Ainda não decidi onde irei deixá-lo. A casa é minúscula, então...
Para uma principiante, até que ficou bom, né.
Depois me arrisco em mais algumas coisinha.

Obs: Comprei a tinta no Armarinhos Fernando. Uauuu... Lá com certeza deve ser o paraíso dos artesãos. Muita variedade!

8 comentários:

  1. Ficou ótimo...q tal aí na sacada? Só sugestão...
    Eu to doida pra confiscar um palete por aí, e pintá-lo de amarelo pra fazer uma mesa de centro lá pro terraço, mas sou q nem vc...sem muita habilidade com trabalhos manuais (eu sou é ruim mesmo!!!!!!!!!).Ameiiii o banquinho, deu uma super valorizada!!! Bjsssssss

    ResponderExcluir
  2. Olha aí vc virando arteira hein amiga! parabens ficou perfeito! Continue assim, viu só como nem sempre temos os dosi braços esquerdos? kkkk
    Bjaum

    ResponderExcluir
  3. Nossa, ficou lindo!!! Rs... E sua mãe, o que achou? Faça mais outras coisas, acho que você leva jeito rs... Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Achei lindo!!!
    Acho que eu colocaria num cantinho da sala com revistas em cima ou na varandinha com uma planta num vaso bem legal. Que tal a sujestão?!? Depois vc mostra aonde colocou gata?!?

    Qto a relação marido x mulher depois de um filho, muda muito amiga !!! Mas não são mudanças ruim não, na verdade a gente amadurece muito e no meu caso atá aprendi a ser menos egoísta, antes era tudo prá mim, agora não ... A gente deixa de dar importância para um monte de coisinha boba do relacionamento pq aprendemos a priorizar as coisas. A pior fase são os três primeiros meses, a gente fica intocável e uma pilha de estress, sem contar o cansaço que é enorme nestta fase. Se superada esta fase, o casal fica mais forte e unido ... Esta questão de união é bem latente também, aqui em casa hj me sinto muito mais unida ao marido do que nunca, parece aquilo de juntar a equipe para ganhar o jogo. Acho que para o marido é mais complicado entender algumas coisas, principalemnte se ele não estiver tão envolvido na maternidade qto a mamaãe, aqui em casa não tive tanto problema, desde que Manuela nasceu meu marido se transformou no PAPAI e ele vive cada fase dela com muita intensidade, sem contar que ele é muito compreensível. Acho que tudo é uma fase de adaptação e com o tempo a vida vai voltando ao normal, é só ter paciência mesmo.

    Bjs
    Neili

    ResponderExcluir
  5. que tipo de tinta é essa? Ficou muito bom, parabéns.

    ResponderExcluir
  6. Ameiiii o resultado! Se não tiver lugar aí eu faço o favor de acolher ele aqui em casa... hahaha

    Mil beijos e parabéns pelo resultado super lindo!

    ResponderExcluir
  7. Ruim em trabalhos manuais?! Conte outra visse? Hahahahahaha...
    Ficou simplesmente maravilhoso e a cor que você escolheu está super em alta! Amo d+++ um ambiente neutro mas adoro colocar cores vivas em alguns móveis e peças de decoração... Ainda não conhecia seu blog e agora que já dei uma voltinha por ele já virei fã e já tô te seguindo. Bjos!!! Ah! Visita o meu Blog, não vai reparar não, comecei agora...

    ResponderExcluir
  8. Sou fã de um amarelo na decoração, então, sou suspeita. Adorei esse banquinho!

    Beijos.

    ResponderExcluir